Segunda, 23 Maio de 2022
PUBLICIDADE
POLÍCIA | PRIMAVERA DO LESTE - MT
01/02/2022 - 16:38
Suspeito de assaltar casa é morto pela polícia e comparsa é preso durante tentativa de fuga em MT
Suspeito, de 22 anos, teria tentado atirar contra os policiais durante a fuga, mas foi atingido antes pelos militares.
O ÂNCORA MT
Polícia Militar atendeu a ocorrência. Foto: PM/MT. Reprodução

Um jovem de 22 anos suspeito assaltar uma casa em Primavera do Leste, a 219 km de Cuiabá, foi morto pela polícia durante a tentativa de fuga, na noite dessa segunda-feira (31). O comparsa dele, de 25 anos, foi preso.

A vítima contou à polícia que os dois suspeitos armados entraram na casa dela e anunciaram o assalto. Usando violência, eles teriam trancado o morador no quarto da casa, mas ele conseguiu correr para a residência da vizinha e acionou a polícia.

Durante buscas pelo bairro, os policiais encontraram os suspeitos em um carro com vidros escuros. Com a aproximação da polícia, o motorista acelerou e não obedeceu a ordem de parada.

De acordo com a Polícia Militar, por várias vezes foi dada ordem de parada por meio de sinais luminosos e sonoros, mas em nenhum momento os suspeitos manifestaram intuito de parar.

A PM disse que eles continuaram em alta velocidade pelas ruas da cidade, não respeitando placas de pare e transitando pela contramão.

Após cerca de 30 minutos, os suspeitos entraram na Rua Júlio Pisseti onde pararam o veículo.

Segundo a polícia, o motorista, de 25 anos, desembarcou e correu para a parte dos fundos de um imóvel, pulando muros da vizinhança, mas foi detido na Avenida Florianópolis e recebeu voz de prisão.

Já o passageiro, de 22 anos, no momento do desembarque, apontou a arma em direção dos policiais militares, que, em seguida, efetuaram disparos em direção do suspeito, atingindo a região do braço e do rosto dele.

Conforme o boletim de ocorrência, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para prestar socorro ao suspeito, mas o óbito foi constatado ainda no local.

A polícia disse que a perícia apontou que a arma do suspeito possuía duas munições intactas e apresentava sinais na espoleta de tentativa de disparo, sinalizando que o suspeito tentou efetuar os disparos contra os militares, mas houve uma falha no armamento.

O comparsa dele foi detido e encaminhado para delegacia.


Fonte: G1 MT

             
    PUBLICIDADE