Segunda, 23 Maio de 2022
PUBLICIDADE
POLÍCIA | JATAÍ - GO
09/02/2022 - 17:53
Polícia investiga morte de bebê encontrado com sinais de abuso sexual e mordidas pelo corpo, em Jataí
Namorado da mãe contou que neném caiu da cama e o levou para hospital da cidade. Por causa da gravidade do quadro, ele foi transferido para Goiânia, mas não resistiu.
O ÂNCORA GO
Henry Gabriel morreu após dias internado. Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

A Polícia Civil investiga a morte do bebê Henry Gabriel Marinho Vidal, de 1 ano, que tinha marcas de mordidas e sinais de abuso sexual. Segundo a corporação, o neném morreu após dias internado em hospital de Goiânia e os médicos alertaram para a suspeita de violência.

De acordo com o delegado Marlon Souza, que está à frente do caso, Henry morreu na terça-feira (8).

“As primeiras informações são de que o namorado da mãe estava cuidando do bebê quando ele caiu da cama e foi levado a um hospital de Jataí. A mãe estava trabalhando e foi avisada do acidente. Por causa do quadro de saúde, ele teve que ser transferido para a capital”, explicou.

Marlon disse que os médicos que atenderam Henry notaram sinais que pareciam de mordidas, alguns hematomas e uma fissura que poderia ter sido causada por abuso sexual. No entanto, somente os laudos periciais vão poder dizer o que realmente aconteceu.

“Nas investigações, vamos apurar se havia maus-tratos, se os ferimentos foram provocados ou acidentais, se havia alguma perfuração no intestino”, listou.

g1 pediu à Polícia Técnico-Científica, por mensagem, às 11h25 desta quarta-feira (9), informações sobre as perícias e aguarda retorno.


Fonte: G1 GO

             
    PUBLICIDADE