Quarta, 28 Julho de 2021
PUBLICIDADE
POLÍCIA | CONFRESA - MT
02/07/2021 - 15:49
Operação apreende armas e desarticula organização criminosa que atuava na zona rural de cidade do Araguaia
Uma pessoa foi presa em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e munições.
O ÂNCORA - MT
Armas e munições apreendidas pela polícia . / Foto: Reprodução

Polícia Civil em Confresa (MT), por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) cumpriu nessa quinta-feira (01) quatro mandados de busca e apreensão dentro da Operação Portal da Amazônia, que apura os crimes de ameaça, coação no curso de processo e associação criminosa Durante a operação, foram apreendidas várias armas de fogo e munições e uma pessoa presa em flagrante.

Informações coletadas no inquérito instaurado pela DERF apuraram que após uma área na zona rural de Confresa, denominada Portal do Amazônia, ser adquirida por uma empresa de São Paulo, os posseiros que residiam no local foram retirados em cumprimento à decisão judicial.

Após essa retirada, diversos conflitos tiveram início, inclusive com ameaças e intimidações contra as pessoas que representam a empresa que adquiriu a área, bem como dos integrantes das equipes de segurança.

No decorrer das investigações, a Polícia Civil apurou que pessoas estariam sendo contratadas para atentar contra a vida de representantes da empresa que adquiriu a área rural Portal da Amazônia. Diante disso e com base em outras informações formalizadas à Polícia Civil, o delegado Bruno Gomes representou pelos mandados de busca e apreensão nos endereços dos investigados, que foram cumpridos nesta quinta-feira.

Durante as buscas, realizadas com apoio da Delegacia de Confresa, as equipes policiais localizaram nove armas de fogo, seis delas registradas e documentadas com um dos investigados; e outras três armas longas apreendidas com outro investigado, que estavam ilegais. O suspeito foi detido por posse ilegal de arma de fogo e munições.

As três armas de fogo e munições foram encaminhadas à Derf de Confresa e o suspeito autuado em flagrante.


Fonte: Assessoria de Comunicação Polícia Civil

             
    PUBLICIDADE