Quinta, 21 Outubro de 2021
PUBLICIDADE
POLÍCIA | GOIÂNIA - GO
21/07/2021 - 14:14
Jovem filmado matando a ex a facadas enquanto ela dizia que o amava enfrenta júri popular
Câmeras registraram quando Adriana Massena é golpeada várias vezes e, depois, arrastada por rua. À Polícia Civil, Wallifer Xavier alegou legítima defesa.
O ÂNCORA - MT
Adriana Massena dos Santos, de 31 anos . / Foto: Reprodução

O jovem acusado de matar a ex-namorada a facadas no Jardim Curitiba 4, em Goiânia, enfrenta o júri popular na manhã desta terça-feira (20). Um vídeo registra quando Adriana Massena dos Santos, de 31 anos, é golpeada várias vezes e arrastada pela rua enquanto dizia que o amava, em junho do ano passado.

O G1 não conseguiu localizar a defesa do jovem até a última atualização dessa reportagem. De acordo com a última decisão do processo, o jovem está preso após mandado de prisão de 22 de junho deste ano. Embora tenha sido detido à época do crime, acabou saindo e preso novamente.

O caso aconteceu no dia 14 de junho. O casal namorou por um ano e seis meses, mas terminou devido ao histórico de agressões de Wallifer Xavier Pereira, de 19 anos, conforme o processo.

Na época do assassinato, os dois voltaram a se encontrar para tentar uma reconciliação, passando, inclusive, o Dia dos Namorados juntos na noite anterior ao crime.

Segundo o documento, o crime aconteceu porque o rapaz não queria que a vítima fosse a uma festa. O promotor apontou, à época da denúncia, que foi causado sofrimento físico contra Adriana, inclusive ignorando as súplicas da vítima.

Rotina de agressão

Testemunhas próximas ao casal relataram, segundo o processo, que os episódios de agressões físicas e verbais eram constantes. O jovem disse nos autos que agiu em legítima defesa para se defender da ex.

À polícia, ele admitiu depois que matou a ex-namorada por não aceitar o fim do relacionamento. Segundo boletim de ocorrência feito na data, a vítima foi até a casa do ex-namorado e os dois começaram a discutir na rua.

“Ele alegou que a Adriana tinha ameaçado matá-lo e que teria agredido ele com o capacete, o que é uma versão totalmente incompatível com o que vemos nas imagens”, explicou a delegada Marcella Orçai, que foi responsável pela investigação.

Câmera de segurança

A imagem mostra a vítima caminhando com um homem pela rua. Momentos depois, os dois começam a discutir. O criminoso segura uma faca na mão direita e ameaça acertar a mulher. Adriana tenta empurrá-lo, mas não consegue fazer com que ele se afaste.

O agressor começa a dar várias facadas na mulher, que cai no chão. Ferida, ela ainda tenta correr, mas cai novamente alguns passos depois. O criminoso, então, foge.

O vídeo mostra que um motociclista chegou a passar pela rua, ao lado de Adriana, que estava caída, mas não parou. Depois, o socorro foi chamado, mas a vítima morreu no local.


Fonte: G1 GO

             
    PUBLICIDADE