Segunda, 23 Maio de 2022
PUBLICIDADE
ECONOMIA | ALTA FLORESTA - MT
02/02/2022 - 16:55
Alta Floresta é a cidade com a gasolina mais cara de MT
Preço chegou a R$ 7,29 em janeiro deste ano. No município, o valor médio vendido era de R$ 7,10.
Gasolina mais cara de MT chegou a R$ 7,29 em Alta Floresta em janeiro deste ano. Foto: Helena Pontes/Agência IBGE Notícias. Reprodução

Alta Floresta é o município de Mato Grosso com maior preço da gasolina, registrado em janeiro deste ano, de acordo com um levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP). O valor chegou a custar R$ 7,29 na cidade.

No município, o valor médio vendido foi de R$ 7,10.

Já no estado todo, o preço médio ficou em R$ 6,55. O mais baixo foi de R$ 6,24.

No começo de janeiro foi autorizado pela Petrobras um aumento de quase 5% no valor cobrado pela gasolina nas refinarias.

Para o Sindicato Varejista de Derivados de Petróleo (SindiPetróleo), essa alta variação é reflexo das exportações, uma vez que o combustível exportado é mais caro do que o praticado no mercado interno.

Segundo especialistas do SindiPetróleo, não há nenhuma previsão de redução nos preços da gasolina nos próximos meses.

O preço também está atrelado ao mercado exterior desde 2016, com a adoção da política de paridade internacional, variando o preço da gasolina no mercado interno com o que é adotado no comércio externo.

Apesar do número elevado em janeiro, nesta quarta-feira (2), já é possível encontrar, em Cuiabá, a gasolina sendo vendida a R$ 6,17.

Composição dos preços

A formação do preço dos combustíveis é composta pelo preço exercido pela Petrobras nas refinarias, mais tributos federais (PIS/Pasep, Cofins e Cide) e estadual (ICMS), além do custo de distribuição e revenda.

Além disso, o preço do dólar, incerteza política, preço do petróleo no mercado internacional e a política de preços da Petrobras têm influência crescente no valor sentido pelo consumidor na hora de abastecer o carro.

Há ainda o custo do etanol anidro na gasolina, e o diesel tem a incidência do biodiesel. As variações de todos esses itens são o que determina o quanto o combustível vai custar nas bombas.

             
    PUBLICIDADE