Domingo, 28 Novembro de 2021
PUBLICIDADE
BRASIL | VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
08/07/2020 - 22:41
Violência contra mulher será tema de live do Senador Wellington Fagundes
Transmissão gratuita acontece nesta quinta-feira (09/07), às 18h00min. Personalidades femininas do estado de Mato Grosso vão dar dicas de como procurar ajuda.
Jozean Benício de Almeida
Número de registro de agressões aumentaram durante isolamento. / foto: Reprodução

Com o aumento dos casos de violência doméstica contra mulheres durante a pandemia, o Senador, pelo Partido Liberal, Wellington Fagundes, decidiu realizar uma live gratuita nesta quinta-feira (09/07), acompanhado de outras sete personalidades femininas. O bate papo será sobre o crescente número de vítimas da violência contra a mulher no Brasil e no mundo.

A live será realiza às 18 horas no canal do Senador, no horário de Cuiabá-MT, e será mediada pela jornalista Roseane Nascimento.

Segundo um estudo realizado pela promotora de São Paulo, durante o período de isolamento, devido a pandemia do novo Coronavírus, as prisões em flagrante de agressores de mulheres teve um aumento considerável, 51,4%. Já o número de medidas protetivas para mulheres teve um aumento de 29,5%.

No dia 10 de junho foi lançada a campanha Sinal Vermelho contra a violência doméstica, que foi apoiada por várias instituições de Mato Grosso, inclusive a Polícia Militar do estado. A campanha aconselha a mulher que sofre agressões a fazer um sinal com a letra X na palma da mão e mostrar para o atendente de alguma farmácia.

Milhares de mulheres que são agredidas possuem dificuldades para prestar queixa de abusos, seja por vergonha ou por medo. A live é voltada para todas as pessoas e poderá ajudar a melhorar o convívio familiar.

As mulheres que foram convidadas para o bate papo estão ligadas diretamente a assuntos como esse, são elas:

Mariene Fagundes (Presidente PL Mulher), Luzia do Nascimento (Ativista social e presidente da Unegro), Sirlei Theis (Advogada e mentora de mulheres), Janaína Riva (Deputada Estadual), Senadora Rose de Freitas (Senadora e Procuradora da Mulher no Senado), Priscila Mendes (Jornalista e pesquisadora de gênero) e Lindinalva Rodrigues (Promotora de Justiça), além da mediadora Roseane Nascimento (Jornalista).

Você quer acompanhar o bate papo?

CLIQUE AQUI 

"Se tem um assunto que não podemos deixar de discutir nesses tempos de isolamento social, é o aumento de casos registrados de violência doméstica, os números são alarmantes no mundo inteiro, não só no Brasil. Reunimos um time de peso para debater o assunto, que precisa ser amplamente divulgado! Participe", foi o que ficou escrito na descrição da live do Senador que já está com o tempo cronometrado. 

             
    PUBLICIDADE