Sábado, 16 Outubro de 2021
PUBLICIDADE
BRASIL | BOM JARDIM DE GOIÁS - GO
14/11/2020 - 18:24
Suspeito de exibir arma de fogo durante carreata em Bom Jardim de Goiás-GO é preso após investigação
A prisão ocorreu em menos de 24h após o fato. Aos policiais o suspeito confessou ter exibido a arma, mas negou ter efetuado disparos. Ele é morador de Aragarças-GO.
Por Jozean Benício, O Âncora MT
Momento em que homem exibe objeto que aparenta ser a arma de fogo. / Foto: Reproduçã

A Polícia Militar da 4° Companhia da Polícia Militar de Aragarças, município do oeste goiano, prendeu o suspeito de exibir uma arma de fogo, durante carreata política em apoio ao candidato pelo PSD, Baré (Cleudes Bernardes da Costa). 

(VEJA O VÍDEO NO FINAL DA MATÉRIA)

Após tomar conhecimentos dos fatos a Polícia Militar e a Polícia Civil começaram as investigações. 

O suspeito, participou da carreata em Bom Jardim de Goiás-GO, porém, é morador de Aragarças-GO, que fica a pouco mais de 35 km de distância, e ficam no oeste goiano. Após ser preso o suspeito confessou que teria exibido a arma durante a carreata, mas negou ter efetuado disparos. 

No depoimento, primeiro ele alegou que estava utilizando uma arma de brinquedo, posteriormente declarou que teria pegado a arma de um amigo, um Policial Militar que estava no mesmo veículo, ele ainda declarou que colocou o braço para fora por um “minuto de bobeira”.

O crime é afiançável, ele foi preso por porte de Arma de Fogo, prestou depoimento na Delegacia de Polícia Civil de Aragarças-GO, tendo ficando a disposição do Poder Judiciário.

O vídeo viralizou nas redes sociais, e foi gravado em Bom Jardim de Goiás, a pouco mais de 35 km de Aragarças-GO. A carreata foi nesta sexta-feira (13/11). 

Ainda, na carreata, um ônibus acabou colidindo em um veículo da prefeitura. De acordo com informações, o Virtus estaria estacionado na rua Rua Simiramy de Castro, setor industrial, a parte dianteira ficou totalmente destruída, e o retrovisor direito jogado no asfalto. 

CLIQUE AQUI  para ver o vídeo do carro após o acidente. 

"[...] isso é vandalismo, eles acabaram com o veículo da prefeitura, e alguns estavam com armas durante a carreata [...]", disse uma fonte, que, com medo de represálias preferiu não ser identificada. 

             
    PUBLICIDADE