Quarta, 27 Outubro de 2021
PUBLICIDADE
BRASIL | CANARANA MT
13/06/2021 - 23:29
Mulher mata suposta amante do "marido" a facadas, em Canarana (MT)
Vítima foi identificada como Adriana da Silva, de 26 anos. De acordo com o boletim, todos os envolvidos estavam em visível estado de embriaguez.
Por Jozean Benício, O Âncora MT
Mulher morta deitada no asfalto. / Foto: Reprodução - Imagem ilustrativa

Uma mulher identificada como Adriana da Silva, de 26 anos, foi assassinada a golpes de faca após um desentendimento com a amiga no início da noite deste domingo (13/06), em Canarana, município do interior mato-grossense. 

De acordo com informações, as duas preparavam o jantar, e estavam em uma casa no Jardim Bela Vista, quando Adriana teria entrado no banheiro no momento em que o namorado da amiga tomava banho.

Revoltada, a namorada do homem de 32 anos também tentou entrar, mas foi impedida por Adriana, ela acabou cortando o pé em um pedaço de copo. Quando conseguiu entrar, a mulher fez os dois saírem do banheiro. 

O ex-marido de Adriana da Silva também iria participar do jantar, mas teria saído para comprar refrigerante, quando chegou, retirou a suspeita da casa com empurrões e, para evitar mais discussões, tirou Adriana da Silva da casa, momento em que foi esfaqueada pela suspeita que estava de fora. 

O homem tentou contê-la, e foi cortado próximo à orelha, mesmo assim, conseguiu pegar a faca da suspeita. 

A Polícia Militar foi acionada e chegou instantes após o esfaqueamento.  Na chegada, os policiais se depararam com o homem segurando a suspeita, a vítima estava ao solo e foi encaminhada ao Hospital Municipal Lorena Parode por uma ambulância.

Os agentes algemaram a suspeita e foram à casa onde tudo teria começado, no local, viram que havia um homem com ferimentos nas mãos, e levaram-no ao hospital. 

Enquanto aguardavam o atendimento do homem, a Polícia Militar recebeu a informação que Adriana da Silva não teria resistido aos ferimentos. A Polícia Civil foi chamada, e esteve no local. 

Em entrevista, a suspeita disse que as duas eram grandes amigas, e estavam bebendo desde as 14h00min deste domingo (13/06). 

Os envolvidos não possuem passagens pela polícia. De acordo com o boletim, todos estavam em visível estado de embriaguez. 

A suspeita foi encaminhada à Delegacia. O caso será investigado pela Polícia Civil. 

Faca utilizada no crime. / Foto: Polícia Militar


Por Jozean Benício, O Âncora MT

             
    PUBLICIDADE