Terça, 26 Outubro de 2021
PUBLICIDADE
BRASIL | CANARANA - MT
06/04/2021 - 18:32
Luto: Comércio de Canarana (MT) fecha em homenagem à secretária da Acecan, vítima da Covid-19
Popularmente conhecida como "Jô", Jociara Brandini trabalhou na Associação Comercial e Empresarial de Canarana (MT) por vários anos.
Por Jozean Benício, O Âncora MT
Jociara Brandini trabalhou na Associação Comercial e Empresarial de Canarana (MT). / Foto: Reprodução redes sociais

O "comércio" de Canarana,  município do interior mato-grossense, "entrou em luto" pela morte da secretária da Associação Comercial e Empresarial (Acecan), Jociara Brandini, que morreu na manhã desta terça-feira (06/04), após complicações da Covid-19.

Dezenas de empresários fecharam seus estabelecimentos as 17h30min e aguardaram na entrada do município a chegada do corpo, prevista para às 18h00min. Jociara Brandini é lembrada por ter sido uma pessoa extremamente carinhosa. 

Era popularmente conhecida como "Jô", e estava internada no Hospital Regional de Água Boa (MT) desde a última quinta-feira (01/04), mas não resistiu. Ela trabalhou na Acecan por pouco mais de oito anos, e "lutou" para que a associação sempre estivesse em um local de destaque no estado de Mato Grosso. 

Em entrevista, Mário Câmara, presidente, afirmou que foi uma grande perda. 

"[...] uma perda irreparável para família e para Acecan, temos que agradecer a tudo que tem feito, e nossos sentimentos à família".

O anúncio do falecimento foi feito pelo vice-presidente da instituição, Pércio Cancian, no grupo dos associados da instituição. 

"É com muito pesar que venho informar que nossa querida Dona Jô teve complicações essa manhã no Hospital em Água Boa.

Infelizmente não resistiu...

Em nome de toda família e também da ACECEN, agradecemos a todos pelas orações e pelo carinho.

Drª Lúcia está à frente da família e tomando as providências.

Manteremos todos informados.

Que as orações continuem para que Deus possa confortar o coração de toda família nesse momento de grande perda e dor", informou. 

Após a notícia, vários empresários lamentaram a morte da mulher que era conhecida por ser uma grande amiga do comércio do município. 

"Nossa que notícia triste. Deus esteja confortando a família".

"Que tristeza!

Vendo as notícias de ontem enchemos o coração de esperança.

Que sua alma seja acolhida para o descanso, e que Deus conforte a família".

"Nossa ! Meus Deu possa confortar a todos.  Muito triste . Jô uma pessoa de muito bom coração".

"Uma pessoa especial, companheira de todos, firme, muito amiga.

Uma perda grande demais.

Ela tinha muito medo, se cuidava ao extremo e mesmo assim não teve jeito...

Uma pena mesmo".

Por um aplicativo de mensagens, o jornalismo do site O Âncora entrou em contato com Lúcia Benci, que faz parte da equipe Acecan, e era amiga pessoal de "Jô". Emocionada, disse que todos vão sentir a falta de Jociara Brandini. 

"Muita gratidão Jô, por tudo que você fez por nós, que o Pai te receba de braços abertos". 

À equipe O Âncora, o vice-presidente relatou que conheceu "Jô" na época que ela ainda trabalhava em outro local. Quando Jociara Brandini se tornou a secretária da Acecan, passou a ser costume as orientações ao empresário Percio Cancian, para o crescimento empresarial. 

"A Jô sempre foi muito empenhada, e uma pessoa que valorizou e vestiu muito a camisa da associação. Realmente corria e fazia acontecer. [...] a gente costumava dizer que ela era o coração da associação", afirmou. 

Também entramos em contato com comerciantes, alguns conseguiram responder antes da publicação desta reportagem, é o caso do empresário e diretor da rede Eletromóveis, Alecsandro Diehl, que enviou a seguinte mensagem:

"A Jô era a alma da ACECAN, ir até a ACECAN e não vê-la será muito difícil.

A Jô era aguerrida em defender toda a classe empresarial, estava sempre acompanhando tudo, inclusive mudanças a nível estadual.

Infelizmente hoje a perdemos, nos resta agora orar para que Deus possa confortar a sua família.

Muito Obrigado por tudo Jô!".

O cortejo seguirá até o portão do cemitério, o enterro será restrito à família. 


Por Jozean Benício, O Âncora MT

             
    PUBLICIDADE