Terça, 26 Outubro de 2021
PUBLICIDADE
BRASIL | MATO GROSSO
18/03/2021 - 10:18
ALMT prorroga suspensão de atividades presenciais até o dia 4 de abril por causa da Covid-19
Dos 24 deputados, 16 testaram positivo e um deles, Silvio Fávero, morreu no final de semana em Cuiabá (MT).
O Âncora MT
Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). / Foto: Reprodução Assessoria.

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) prorrogou a suspensão do funcionamento da Casa até o próximo dia 4 de abril, devendo retornar às atividades legislativas no dia 5 de abril.

A medida se dá por causa do crescimento dos casos de Covid-19.

A ALMT argumenta que, considerando os casos confirmados de Covid-19 e o aumento da taxa de incidência dentre os servidores e parlamentares, decidiu seguir a suspensão das atividades do órgão.

Durante o período de suspensão, serão mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o funcionamento administrativo da instituição.

A última deputada que testou positivo para a doença foi Janaina Riva (MDB). Ela está em isolamento domiciliar.

Além de Janaína, outros 15 deputados testaram positivo para a doença ao longo da pandemia. São eles: Allan Kardec (PDT), Carlos Avalone (PSDB), Dilmar Dal'Bosco (DEM), Dr. João (MDB), Elizeu Nascimento (PSL), Eduardo Botelho (DEM), Faissal Calil (PV), Max Russi (PSB), Nininho (PSD), Silvio Fávero (PSL), Paulo Araújo (PP), Thiago Silva (MDB), Valdir Barranco (PT), Valmir Moretto (PRB) e Wilson Santos (PSDB).O deputado Valdir Barranco (PT) acordou do coma nesta quarta-feira (17), depois de 32 dias de internação para tratamento da Covid-19.

Durante esse período, ele ficou 22 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em São Paulo.

Silvio Fávero também precisou ser intubado para tratamento contra a Covid-19 devido a complicações respiratórias. O parlamentar ficou internado por uma semana e morreu no sábado (13) em Cuiabá (MT).



Fonte: G1 MT

             
    PUBLICIDADE